Português

Roda de Conversa do ICA discute sobre como fazer dança e teatro em tempos de distanciamento social

20 de julho de 2020

Nesta quinta-feira (23), às 15h, acontece a sétima edição em formato virtual da Roda de Conversa do ICA, projeto realizado pela Coordenação de Programas Acadêmicos e Setor de Comunicação e Produção Cultural do ICA e com apoio da Secretaria de Acessibilidade – UFC Inclui. A edição traz como tema “O palco na tela – Como fazer dança e teatro em tempos de distanciamento social?” e conta com um bate-papo com os  artistas, pesquisadores e docentes do ICA-UFC, Ana Carolina Mundim, dos cursos de Dança (Bacharelado e Licenciatura), e Héctor Briones, do curso de Teatro (Licenciatura), com a mediação da estudante Nyvya Freitas, bolsista do Laboratório de Produção Cultural. A transmissão, com tradução simultânea em LIBRAS, acontece via canal do Youtube do Laboratório de Produção Cultural ICA/UFC.

A necessidade de distanciamento social tem transformado os modos de fruição artística, o palco passou a ser as telas dos celulares através das lives. Nesta perspectiva, a roda de conversa propõe refletir sobre como este novo cenário também afeta a produção e o processo criativo dos artistas. Nas dimensões do ensino e da pesquisa a partir das experiências dos professores convidados, busca-se discutir ainda como as possibilidades e interações entre dança, teatro e tecnologia podem ser pensadas no âmbito da formação e da criação artística no contexto atual e no pós-pandemia. 

 

Bio convidados:

Ana Carolina Mundim

Bailarina, atriz, dj e fotógrafa. Possui graduação em Dança pela Universidade Estadual de Campinas (2001), mestrado em Artes pela Universidade Estadual de Campinas (2004) e doutorado em Artes pela Universidade Estadual de Campinas (2009) e Univesitat Autónoma de Barcelona (UAB). Pós Doutora pela Universidade de Barcelona. É professora adjunta do Instituto de Cultura e Arte da Universidade Federal do Ceará (ICA-UFC), nas Graduações em Dança. Colaborou como docente na disciplina da graduação Sociologia da Educação, na Universidade de Barcelona, em parceria com o Prof. Dr. Jorge Larrosa Bondía. Realizou três meses de capacitação no Instituto de Artes da UNICAMP com período de investigação na Universitát Ramón LLul, em Barcelona, junto ao grupo de pesquisa Data Science for Digital Society, do qual faz parte. Foi integrante do Grupo República Cênica. Coordena o projeto de pesquisa Dramaturgia do Corpoespaço, que originou grupo de pesquisa de mesmo nome, mantido na UFC. Orienta o Conectivo Nozes. Coordenou o Curso de Graduação em Dança na Universidade Federal de Uberlândia no período de sua implantação (2011 – 2014). Atua principalmente nos seguintes temas: dança contemporânea, composição coreográfica, improvisação, composição em tempo real, corpoespaço. Coordena os projetos de extensão: Formigueiro – acervo e memória; Temporal – encontros de improvisação e composição em tempo real e Improvisa.

Mais informações: https://mapacultural.juazeiro.ce.gov.br/agente/27344/ 

Mais sobre sua pesquisa  na interface entre física quântica e dança clique no link.

 

Héctor Briones

Professor adjunto do Instituto de Cultura e Arte da Universidade Federal do Ceará (ICA-UFC), no Curso de Teatro-Licenciatura, Mestrado em Artes e ProfArtes. Atualmente coordena o Mestrado Profissional em Artes do ICA-UFC. Doutor em Artes Cênicas pelo PPGAC, na Universidade Federal da Bahia (2007 – 2011). Mestre em Artes Cênicas pelo PPGAC-UFBA (2006 – 2007). Ator e Licenciado em Atuação formado pela Pontifícia Universidad Católica de Chile (1994 – 1998). Sua investigação acadêmica-artística se debruça nos processos da arte do ator e da encenação que partem da espacialidade cênica, pensando a cena enquanto materialidade corpórea e imagética. Também é pesquisador e professor teatral da cena contemporânea, com foco na história do teatro e nas teorias da cena: Teatro Ocidental do século XX e Teatro Latino-americano contemporâneo. Coordena o Laboratório de Poéticas Cênicas e Audiovisuais da UFC (LPCA – UFC). Coordenou o projeto “Trânsitos na Cena Latino-americana” (2008 – 2012), reunindo pesquisadores latino-americanos para a realização de seminários, publicações e traduções sobre as poéticas cênicas atuais do nosso continente, publicando a Coleção de Dramaturgia Latino-americana, em parceria com a EDUFBA, com textos teatrais hispano-americanos em edição bilíngue (Português – Espanhol). Dirigiu a peça “Um lugar para ficar em pé: últimas peças e outros fragmentos de Samuel Beckett”, montagem de formação da primeira turma do curso de Teatro-Licenciatura da UFC, e os espetáculos “Baldio” e “Urubus” do Grupo Pavilhão da Magnólia.

Mais informações: https://mapacultural.secult.ce.gov.br/agente/12840/

 

Serviço::

Roda de conversa O palco na tela – Como fazer dança e teatro em tempos de distanciamento social?

Data: 23/07/2020 (quinta-feira)

Horário: 15h

Duração: 60 minutos

Plataforma de transmissão: Canal do YouTube Laboratório de Produção Cultural ICA/UFC

Tradução simultânea em LIBRAS

 

Mais informações: Setor de Comunicação e Produção Cultural do ICA / E-mail: cultura.ica@ufc.br

Marcadores: